NOVA MUTUM, 24 de Maio de 2024
icon weather 15 º 23 º
DÓLAR: R$ 5,15
Logomarca

GERAL Quarta-feira, 08 de Novembro de 2017, 19:32 - A | A

08 de Novembro de 2017, 19h:32 - A | A

GERAL / Nova Mutum

Prefeito esclarece ação contra autor do vídeo que ofendeu os servidores públicos

Diário Norte
Nova Mutum



Após o site Diário Norte, expor a informação sobre o vídeo gravado pelo senhor, Paulo Rodrigues de Lima, que foi notificado no início desta semana com um Mandado de Citação, movido pela prefeitura de Nova Mutum, e diante da proporção que o caso ganhou nas redes sociais, o prefeito, Adriano Pivetta (PDT), decidiu esclarecer o fato a sociedade.

O gestor, reuniu em seu gabinete o gerente de gabinete, João Batista, o secretário de administração, Geder Genz, a procuradora geral do município Luciana Trevisan, fiscais do município e a imprensa local, para justificar as razões da qual levaram a administração mover a ação contra o autor do vídeo.

Na ocasião foi apresentado o primeiro vídeo gravado no dia 12 de setembro, ocasião em que o autor, expressou seu sentimento ao presenciar a ação dos fiscais do município no exato momento em que eles impediam o trabalho de um vendedor ambulante no centro da cidade.

No vídeo o autor, expressou palavras direcionadas aos fiscais como: “esses urubus, pilantras, porcarias” e de acordo com a procuradora geral do município, Luciana Trevisan, foram por essas ofensas que o município moveu a ação contra Paulo Rodrigues de Lima.

“Estava sendo feita uma ação fiscal para averiguar a situação, e aqueles fiscais foram muito ofendidos dentro daquela atividade que é uma obrigação deles de fazer. Eles foram chamados de bando de porcarias de pilantras, então foi uma situação assim que ofendeu a atividade dos servidores”, disse a procuradora.

Ela ainda afirmou que inicialmente foi proposta a ação, onde foi solicitado para que o autor retirasse o vídeo do ar, através de uma medida de tutela provisória, que foi na ocasião concedida pela justiça reconhecendo que existia uma ofensa, e que era necessário realizar a retirada. 

“Para deixar bem esclarecido o prefeito municipal, Adriano Pivetta, não entrou com ação nenhuma, a ação foi impetrada pela Procuradoria do município em face do senhor Paulo, e pelo município, o nome do prefeito aparece no processo, porque ele representa o município”, concluiu a procuradora. 

O prefeito também fez questão de enfatizar que a ação não foi impetrada por ofensas a sua pessoa, mas sim aos servidores que estavam atuando no dia exato em que o vídeo foi gravado pelo autor.

“São pessoas que tem suas famílias aqui, são mães e pais e que não merecem ser ofendidos, ninguém jamais contestou qualquer tipo de liberdade de expressão das pessoas, cada um tem o direito de falar o que bem entender mas não de ofender as pessoas. Uma coisa é clara, ofensas não serão aceitas a qualquer servidor público. A prefeitura é uma empresa, e eu como representante dessa empresa, juntamente como o corpo jurídico tomamos as nossas providencias. Estamos defendendo o respeito aos servidores públicos, a entidade município de Nova Mutum, e essa ação vai tratar da conduta desse cidadão que ofendeu essas pessoas, e o que o município faz é defender o que é correto e nada mais, disse Pivetta.

Procurado o autor do vídeo, Paulo Rodrigues de Lima, o mesmo argumentou que não ofendeu a conduta do prefeito, e fez sua defesa pessoal, conforme a reportagem abaixo, produzida pela TV Arinos.





Comente esta notícia