NOVA MUTUM, 24 de Maio de 2024
icon weather 19 º 31 º
DÓLAR: R$ 5,15
Logomarca

MARLI VIEIRA Sábado, 01 de Setembro de 2018, 20:03 - A | A

01 de Setembro de 2018, 20h:03 - A | A

MARLI VIEIRA / MARLI VIEIRA

COLUNA: Carcereiros

Marli Vieira



Penso que a profissão de professor exige dedicação total, sai da escola com pastas, livros para preparar aulas, trabalhos a corrigir em finais de semana, pesquisar os assuntos atuais para tornar a aula interessante, hoje só conteúdos e conhecimento não bastam, atividades diferenciadas para alunos com dificuldades, e por aí vai.

Olho os médicos renomados e nada tenho a acrescentar, procedimentos caríssimos, moradia privilegiada, viagens nacionais e internacionais, tudo do bom e do melhor (nada tenho contra, trabalharam para ali chegarem, acredito eu).

Observo há quatro anos os “Médicos” em P.A.s, Pronto Socorros, jornadas dobradas tem a maioria deles, nisso incluímos “Enfermeiros e Enfermeiras”, a maioria tem jornadas além do limite humano, só o cumprem porque não há quem os faça, precisam do dinheiro para sobreviverem, são vocacionados, abençoados sejam!

Reprodução

encarcerado 3

Há tantas pessoas em profissões erradas, ou não conseguem outro trabalho ou exercem-nas apenas querendo obter lucros e mais lucros, estes são os mais amáveis enquanto você está pagando, quando o problema aparece, a culpa sempre será sua e não deles e não lhes atendem mais, vemos isso em várias reportagens, são incontáveis os casos. Eis a diferença na profissão vocacionada e na profissão escolhida pelo ganho material.Percebi uma pequena parcela de servidores em Hospitais, P.A.s, PSFs com tão mal humor e até grosserias, que parecem estar acima da Lei e da Vida, até mesmo de Deus, graças dou por serem pequena parcela, peco a Deus que lhes dê o emprego desejado e saiam desses postos de trabalho porque o mal atendimento gera 50% a mais de malefícios ao paciente.

Pouco assisto a rede Globo, pois não sou adepta a novelas e acabei me sincronizando em outros canais, embora assista por horas a Globonews e Programas de Entrevistas vários da Globo, que saudades do Jô Soares (beijo meu querido), mas vi na grade a Série “Carcereiros”, de Marçal Aquino e Fernando Bonassi e Dennison Ramalho, baseado em Carcereiros, de Dráuzio Varella (a quem acompanho entrevistas pela internet), com direção artística de José Eduardo Belmonte e muito bem representado por Rodrigo Lombardi, a quem parabenizo e aplaudo e a todo o Elenco, sem dúvida.

E este assunto quero abordar, a Profissão de Carcereiros, entre tantas profissões difíceis de serem exercidas chamou-me muito a atenção esta e me dediquei a pesquisa do assunto, lendo aqui e ali, assisti também a entrevista de Pedro Bial em 29/04/2018 com os verdadeiros Carcereiros e também com Dráuzio Varela, que me fez ver um outro lado da história, porque sempre haverá a sua, a do outro, e a verdadeira, em tudo na vida.

Um dos papéis do Carcereiro seria então reabilitação dos presos!!! Eu não sabia disso, cabe a eles muitas funções além de habituais e governamentais. E repensando nisso fui mais a fundo nesse mundo que agora me parece mais tenebroso que estar nas ruas. Pesquisando e conversando com alguns que trabalham com analise de presidiários (sem citar nomes) observa-se que há muitos que lá estão por como se diz “roubar uma galinha”, com ordem de soltura a serem assinadas e chegarem aos presídios, mas os processos se acumulam, são tantos para que alguns indivíduos ficam anos a mais do que deve a sociedade. E muitas vezes por assim se sentirem injustiçados e esquecidos por todos acabam entrando para o mundo do crime, querendo ou não, torna-se uma forma de sobrevivência lá dentro talvez, como eu saberia... enquanto quem pode pagar advogados, fiança, saem e estão as ruas como se nada tivessem feito, verdadeiros bandidos que ficam nas ruas e na mídia como se nada tivessem feito, apelam, arrumam seus jeitinhos brasileiros porque nossa justiça em alguns casos corrompem-se, infelizmente, e processos são arquivados em troca de favores políticos ou financeiros. Grande engano desses, todo plantio tem sua colheita, de um jeito ou de outro, podemos não perceber, mas ela acontece, sem dúvida nenhuma, seja na vida pessoal, emocional, financeira, na saúde ou na paz de espirito, na infelicidade, na família...

Reprodução

carcereiro 1

E se você tivesse que evitar entrada de drogas, armas e afins nas penitenciárias, sofrer ameaças, evitar conflitos entre facções, evitar fugas na surdina da madrugada, fazer uma recaptura, evitar uma invasão, um resgate, encarar uma rebelião, não deixar presidiários fugirem, fazer tudo isso de peito estufado, sem medo e sem tremer na base ou estremecer, sem pestanejar até, em alguns casos ver seu parceiro de trabalho ser assassinado e ter que continuar seu trabalho... eu te pergunto se essa profissão está recebendo o apoio e a valorização que merece, assim como muitos outros servidores públicos que não se enquadre no alto escalão. Você acha que seu trabalho está difícil, ruim, imagine o deles.Mas te pergunto, se tivesse que vestir farda hoje e enfrentar um pavilhão onde se encontram pedófilos, indivíduos que aterrorizam a sociedade queimando ônibus e depredando patrimônios públicos, impedindo trabalhadores de circularem pelas ruas sem serem assaltados e até mortos, latrocínio se tornou parece algo normal para muitos, apenas ouvimos “que pena”, “lastimável”, se tronou comum nos noticiários assim como o que fazem toda escória que aterroriza a sociedade e os faz prisioneiros em suas próprias casas.

Nos causa medo apoiar candidato que quer governar o Brasil com mãos de ferro, mas precisamos de alguém que valorize a Segurança Pública, policiais corruptos precisam serem reciclados em casos leves e expulsos em casos graves como assassinato, tráfico ou roubo, precisam de valorização moral, apoio psicológico, valorização financeira e maior apoio e proteção as suas famílias.

Reprodução

Carcereiro

Já observou isto: Então todos falam em Saúde, Educação e Segurança Públicas. Mas você sabe que isto não acontecerá, e que rostinhos bonitos e vidas exemplares estão aparecendo já, não se iluda novamente, não mais uma vez, duas três, quatro, cinco... pense muito, você pode não ter graduações, mas você, um ser inteligente e abençoado pode perceber no discurso deles o que você já ouviu em outras campanhas ou o que as pesquisas indicaram que você queria ouvir. Por favor, use a sabedoria que Deus lhe deu e diga não ao encarceramento psicológico, emocional, e financeiro que vivemos hoje. Faça isso por todos!Precisamos de um Presidente que não agrade nem a gregos e nem a troianos e valorize o trabalhador como merece, sem conchavos em época de acertos políticos de quem apoia quem e distribuição de Ministérios antecipados, ou pior ainda, alguém apoiada por velhos políticos, você não deve se lembrar, mas tínhamos somente ARENA E MDB, e os que não partiram ainda, estão aí como a manusear bonecos com seus cordões para que estes façam o que por eles sempre foi feito e encubram sujeiras ainda não divulgadas, piores que as que já vimos.

Dedicado a todos os Carcereiros, Agentes Penitenciários que trabalham justamente, Deus os abençoe e proteja, e em especial a querida e amada ANA. Bjos amada de Deus e minha.



Comente esta notícia

Francisco P. Greter 08/09/2018

O sistema penitenciário brasileiro é cruel, injusto e não recupera ninguém...praticamente só prende pobre e preto; assim fica difícil para os carcereiros trabalharem, não é? Precisamos de uma reforma urgente!!! Parabéns pelo artigo!

positivo
0
negativo
0

1 comentários

1 de 1