NOVA MUTUM, 24 de Maio de 2024
icon weather 19 º 31 º
DÓLAR: R$ 5,17
Logomarca

GERAL Quinta-feira, 09 de Maio de 2024, 20:56 - A | A

09 de Maio de 2024, 20h:56 - A | A

GERAL / SOLIDARIEDADE

Elon Musk lamenta enchentes no RS e anuncia doação de 1.000 terminais da Starlink para equipes de resgate no RS

"Dada as terríveis enchentes no Rio Grande do Sul, a Starlink doará 1.000 terminais para as equipes de emergência", escreveu o bilionário no X (antigo Twitter)

Léo Lopesda/CNN



O bilionário Elon Musk anunciou, nesta quinta-feira (9), uma doação da Starlink – sua empresa de internet via satélite – para colaborar com o trabalho dos socorristas junto às vítimas das enchentes no Rio Grande do Sul.

“Dada as terríveis enchentes no Rio Grande do Sul, a Starlink doará 1.000 terminais para as equipes de emergência e disponibilizará gratuitamente o uso de todos os terminais da região até que a região se recupere”, escreveu Musk em publicação no X (antigo Twitter), plataforma da qual também é dono.

“Espero o melhor para o povo do Brasil”, concluiu Musk.

A declaração de Musk foi publicada junto de um vídeo gravado pela supermodelo brasileira Gisele Bündchen, que pede ajuda a seu estado natal.

“Meu estado natal, no Rio Grande do Sul, no Brasil, teve a pior tragédia de sua história. Fortes chuvas inundaram cidades inteiras. Na maior parte do estado, não é uma ou duas cidades, são mais de 350”, afirmou Gisele.

“As pessoas não estão apenas perdendo suas casas, seus empregos, estão perdendo tudo. E há muitos ainda a serem resgatados”, continuou. “Ninguém estava pronto para essa devastação. Cidades estão isoladas, estradas e pontos, destruídas.”

“As pessoas não têm eletricidade, [estão] sem água limpa para beber. E muitos foram separados de seus entes queridos. E o mais triste é que muitas vidas foram perdidas. É doloroso, é de partir o coração. Então, por favor, junte-se a mim na tentativa de ajudar. Faça doações e ajude da maneia que puder”, concluiu.

Papa Francisco também anunciou doação

Foto: Divulgação

Papa Francisco

 

O papa Francisco destinou 100 mil euros, equivalente a mais de R$ 500 mil, para auxiliar desabrigados no Rio Grande do Sul.

A informação foi divulgada pelo Vaticano e confirmada pelo arcebispo de Porto Alegre e presidente da Conferência Nacional dos Bispos do Brasil (CNBB), dom Jaime Spengler.

O valor foi retirado da Esmolaria Apostólica e deve ser repassado para o Regional Sul 3 da CNBB, que abrange todo o Rio Grande do Sul.

O pontífice já havia manifestado solidariedade às vítimas das enchentes que atingiram o estado. “Quero assegurar a minha oração pelas populações do Estado do Rio Grande do Sul, no Brasil, atingidas por grandes inundações. Que o Senhor acolha os mortos e conforte os familiares e quem teve que abandonar suas casas”, disse Francisco ao fim de uma oração no domingo (5).

Chuvas no RS

A Defesa Civil do Rio Grande do Sul informou que chegou a 107 o número de pessoas mortas em decorrência das chuvas que castigam o estado desde o início da semana passada. Há ainda 374 feridos e 136 desaparecidos.

Os resgates realizados por voluntários com embarcações, partindo do Lago Guaíba, em Porto Alegre, foram retomados ainda na quarta-feira (8), horas depois de uma interrupção provocada pela chuva.

A prefeitura da capital gaúcha chegou a pedir a suspensão dos salvamentos, por volta das 14h de ontem,  pois as condições meteorológicas apresentavam riscos às pessoas.

Os preparativos para novas buscas, nesta quinta-feira (9), começaram logo cedo, pouco depois das 6h da manhã, quando o sol apareceu na cidade. Os Bombeiros e a Defesa Civil apoiam os voluntários.

De Porto Alegre, as equipes saem em direção ao outro lado do Guaíba, onde está o bairro Arquipélago, formado por 16 ilhas, e também as cidades de Eldorado do Sul  e Guaíba, na região metropolitana da capital. Ambas fortemente afetadas pelas chuvas.



Comente esta notícia