NOVA MUTUM, 24 de Junho de 2024
icon weather 20 º 32 º
DÓLAR: R$ 5,39
Logomarca

GERAL Terça-feira, 24 de Janeiro de 2017, 13:33 - A | A

24 de Janeiro de 2017, 13h:33 - A | A

GERAL /

Vinte leitos de UTIs entram em funcionamento no hospital de Lucas do Rio Verde



Após mais de dois anos de obras e investimentos de aproximadamente R$ 16 milhões, as Unidades de Terapia Intensiva (UTIs) do Hospital São Lucas entraram em funcionamento, ontem. São 20 leitos, sendo dez destinados ao público adulto e dez neonatal.

A gestora administrativa da empresa que irá gerir as UTIs, Maria Tereza Palmier, explicou que todos os equipamentos já foram montados e os profissionais já foram contratados e capacitados para atender os pacientes. Segundo ela, cada equipe é composta por cinco técnicos em enfermagem, um enfermeiro, um chefe de enfermagem, além do médico plantonista e de um responsável técnico, também médico.

“Já estamos preparados para receber os pacientes. Todas as vagas já foram disponibilizadas na Central de Regulação e já temos uma programação de chegada de dois pacientes adultos, vindos pelo Estado”, disse, por meio da assessoria.

Os leitos de UTI fazem parte do projeto de ampliação do hospital, concluído e entregue em 2016 pelo ex-prefeito Otaviano Pivetta. O projeto contempla também sete salas cirúrgicas, centro de imagens, consultórios médicos e mais 50 leitos de enfermaria.

Para o vereador Jiloir Pelicioli, o “Mano”, toda a nova estrutura do hospital que está sendo colocada à disposição da sociedade irá fazer de Lucas do Rio Verde referência em saúde para os municípios da região. “Sabemos das dificuldades em conseguir um leito de UTI em todo o estado. Neste momento, o município está ofertando 20 vagas que poderão salvar vidas de moradores de todas as regiões de Mato Grosso.”

Somente na aquisição de equipamentos foram investidos aproximadamente R$ 6 milhões, vindos da Prefeitura de Lucas do Rio Verde, Tribunal Regional do Trabalho e Sindicato dos Produtores Rurais.

Para a gestora do hospital, Fernanda Dotto, a qualidade dos equipamentos e o profissionalismo da equipe contratada irão garantir atendimento de qualidade a toda a população. “Temos a certeza de que os pacientes que adentrarem no setor, serão bem atendidos, com todo o cuidado e qualidade necessária. Nós tínhamos um projeto e um planejamento que foi alcançado. A nossa sensação agora é de dever cumprido com a sociedade”.

Fonte:SoNoticias



Comente esta notícia