NOVA MUTUM, 28 de Maio de 2024
icon weather 10 º 24 º
DÓLAR: R$ 5,15
Logomarca

POLÍCIA Domingo, 07 de Outubro de 2018, 14:56 - A | A

07 de Outubro de 2018, 14h:56 - A | A

POLÍCIA / ELEIÇÕES 2018

Cacique tenta votar 71 vezes é preso; índios atacam Exército com flechas

Os casos aconteceram em locais distintos, em Guarantã do Norte e Brasnorte, no início da manhã deste domingo (02).

RAUL BRADOCK/REPÓRTERMT



Os casos aconteceram em locais distintos, em Guarantã do Norte e Brasnorte, no início da manhã deste domingo (02)

O cacique de uma aldeia na região de Guarantã do Norte (715 km ao Norte de Cuiabá) foi preso na manhã deste domingo (7) com 71 títulos de eleitores. Segundo informações, o acusado é da etnia Kayapó e votaria por todos os moradores da aldeia.

O índio, que não teve o nome revelado, foi flagrado pelo juiz eleitoral Diego Hartmann, que ao perceber a movimentação suspeita tentou conversar com cacique, que se recusou a falar em português.

O indígena foi encaminhado à delegacia para prestar esclarecimentos.

Flechadas

O segundo caso aconteceu em Brasnorte (579 km a Noroeste da Capital) quando índios receberam militares do Exército e a urna eletrônica a flechadas. Não houve registro de feridos.

“Tivemos que acionar a Funai para que intercedesse na situação, mas em 30 minutos conseguimos controlar a situação, pois, lá são apenas 70 eleitores”, disse o juiz auxiliar da presidência, Lídio Modesto.



Comente esta notícia