NOVA MUTUM, 03 de Julho de 2022
icon weather 18 º 34 º
DÓLAR: R$ 5,33
Logomarca

POLÍTICA Quinta-feira, 05 de Maio de 2022, 16:20 - A | A

TRÂNSITO

Altair solicita implantação de estacionamento nos dois sentidos da avenida dos Bem-te-vis

Elisângela Viana - SECOM/CMNM
Nova Mutum-MT

image

A indicação visa dar resposta a reivindicação da população, que cobra a abertura de novos estacionamentos na cidade, em particular na referida localidade, onde a inexistência de espaços apropriados faz com que os condutores estacionem de maneira desordenada.

Em atendimento a reivindicação de moradores, o vereador Altair Albuquerque indicou ao Executivo a necessidade de implantar estacionamento, nos dois sentidos da avenida Dos Bem-te-vis, no trecho entre a rua das Pupunhas e rua das Verbenas (em frente à igreja Batista da Paz), em Nova Mutum.

Na indicação, Altair considera a necessidade de organizar e disponibilizar vagas de estacionamento no referido ponto, para veículos e motocicletas que, pela falta de um local apropriado acabam sendo estacionados por seus condutores de maneira desordenada, intensificando o trânsito nas imediações.

 Este é um pedido que visa atender a população que cobra a abertura de novos espaços para estacionamento, com o objetivo de organizar aquele ponto da cidade e facilitar a vida do cidadão justificou o parlamentar.

Em defesa da indicação, o vereador acrescenta que o estacionamento ou qualquer outro instrumento, que venha contribuir para a melhoria do trânsito deve sempre ser considerado, pois trata-se de um componente fundamental de qualquer política de mobilidade, devido a relação direta com a acessibilidade, organização e utilização do espaço público.

Entre os benefícios gerados a partir da implantação do estacionamento, está o aumento da segurança, a ampliação de espaços voltados aos consumidores, a garantia da oferta de estacionamento adequado às necessidades da cidade e, por fim, a redução da prática infracional de alguns condutores, que pela falta de espaços apropriados acabam estacionando em locais proibidos.



Comente esta notícia