NOVA MUTUM, 17 de Junho de 2024
icon weather 21 º 32 º
DÓLAR: R$ 5,42
Logomarca

GERAL Segunda-feira, 16 de Janeiro de 2017, 22:00 - A | A

16 de Janeiro de 2017, 22h:00 - A | A

GERAL /

Caminhoneiros protestam nas BRs-163 e 364 em Nova Mutum e Rondonópolis



Um grupo de caminhoneiros interditaram os dois sentidos do km 601 da BR-163, em Nova Mutum. O Centro de Controle Operacional (CCO) informou que a interdição iniciou às 16h20. Há permissão para passagem de ambulâncias, veículos de passeio, veículos com cargas perecíveis e carretas-tanque.

Com esse manifesto em Nova Mutum sobe para seis o número de bloqueios na BR-163 e BR-364. A paralisação é por melhores valores de frete, que hoje não, segundo a categoria, não remunera o setor.

O movimento visa chamar a atenção das tradings para uma conversa e assim chegar-se a um valor que atenda a categoria, enquanto o projeto de lei 528/2015 não é aprovado e sancionado.

Outras interdições

As outras interdições são registradas no km 593 da BR-163, região de Nova Mutum, onde o tráfego está bloqueado nos dois sentidos; no km 119 da BR-163, saída de Rondonópolis para Mato Grosso do Sul, onde é fechada uma faixa de cada sentido (sul e norte) da pista duplicada. Na BR-364, saída de Rondonópolis para Cuiabá, é interditada uma faixa da pista duplicada no km 201 (sentido sul), km 206 (sentido sul) e km 210 (sentido norte).

Segundo o representante do Movimento dos Transportadores de Grãos (MTG), Gilson Baitaca, o manifesto dos caminhoneiros pode ocorrer por tempo indeterminado e que o grupo não está protestando contra o governo e sim contra as tradings ao buscar valores mais justos para o frete este ano. Segundo ele, o manifesto deve durar até que as empresas chamem os caminhoneiros para negociação.

Fonte:MutumNoticias/Fotos:OscarPolita



Comente esta notícia