NOVA MUTUM, 14 de Junho de 2024
icon weather 21 º 37 º
DÓLAR: R$ 5,38
Logomarca

GERAL Segunda-feira, 06 de Março de 2017, 18:48 - A | A

06 de Março de 2017, 18h:48 - A | A

GERAL /

Município de Nova Mutum regulamenta linha de transporte coletivo diária até o Distrito de Ranchão



A partir dessa semana a empresa Via Nova, responsável por fazer o transporte coletivo de passageiros no perímetro urbano de Nova Mutum estará inaugurando uma nova linha diária da cidade até o Distrito de Ranchão (50 KM). A regulamentação da linha foi feita pela Prefeitura de Nova Mutum.

A empresa fará a linha em dois horários, saindo ás 04h30 da manhã de Nova Mutum – ponto de partida Rodoviária Municipal. No período da tarde o ônibus sai das 16h da cidade. Pela regulamentação o preço do bilhete para quem vai de Nova Mutum ao Distrito de Ranchão será de R$ 8,00.

Segundo o vice-prefeito,  Leandro Félix a ideia da Prefeitura é atender os moradores do Distrito de Ranchão e uma série de pessoas que residem em fazendas e precisam se deslocar até a cidade. “Fizemos um estudo e entendemos que essa linha é viável, uma vez que além dos moradores do Ranchão, centenas de moradores de fazendas também serão contemplados com essa ação. Ou seja,  o cidadão poderá vir para a cidade na parte da manhã, resolver seus negócios e retornar na parte da tarde”, destaca.

De acordo com o empresário, Paulo Martinello, proprietário da empresa cerca de cinco mil pessoas serão contempladas com a nova linha. “Fizemos uma pesquisa e identificamos uma demanda de aproximadamente cinco mil pessoas que residem nos locais onde a rota irá passar e toda essa população será beneficiada com o transporte coletivo”, ressalta.

O vereador, Cristiano Bicô, que reside no Distrito de Ranchão lembra que essa é uma antiga reivindicação dos moradores do interior que não tinha um meio de transporte diário até a cidade. “Sempre fomos cobrados neste aspecto e a Prefeitura está de parabéns por entender essa necessidade e regulamentar essa linha que vai trazer grandes benefícios para nossa população”, acrescenta.

O transporte será feito por um ônibus rodoviário com motor dianteiro, poltronas reclináveis e ar-condicionado.

Fonte:Assessoria



Comente esta notícia