NOVA MUTUM, 17 de Julho de 2024
icon weather 17 º 31 º
DÓLAR: R$ 5,43
Logomarca

GERAL Quinta-feira, 28 de Maio de 2015, 20:08 - A | A

28 de Maio de 2015, 20h:08 - A | A

GERAL /

Nova Mutum: Carteira de trabalho passa a ser digital a partir de junho



A prefeitura de Nova da Secretaria Municipal de Administração está concluindo o processo para confecção de carteiras de trabalhos digitais. Nos próximos dias 9 e 10 de julho a equipe do Mutum, através setor de identificação será capacitada em Brasília (DF), para confeccionar o novo documento. 

O processo foi iniciado em janeiro de 2015, após a comunicação oficial feita pelo Ministério do Trabalho e Emprego (MTE) ao Município de Nova Mutum. Em fevereiro foram adquirido pela Prefeitura os equipamentos necessário para coleta e digitalização da foto e digital do cidadão. O loguim e senha oficiais para cadastros feitos por Nova Mutum foram liberadores a alguns dias pelo Ministério.

O termo de compromisso que autoriza a realização deste procedimento já foi assinado pelo vice-prefeito Leandro Felix e pelo superintendente Regional do Trabalho e Emprego de Mato Grosso, Eduardo Driemeyer, na sede da Superintendência (SRTE/MT) em Cuiabá. “Esse é mais um passo importante na valorização do trabalhador mutuense. Anteriormente ele fazia sua carteira de trabalho e somente após a contratação do primeiro emprego é que ele era encaminhado para obter seu número do seu Pis/Pasep. A partir de agora, com esta ação o cidadão já sai com o documento no formato eletrônico e com o número na mão. É um grande avanço neste aspecto”, destacou o vice-prefeito Leandro. 

O novo documento será similar ao Passaporte e irá integrar outras informações de diversos bancos de dados do Governo Federal, tais como; números do RG e CPF, dados do Título de Eleitor e o número do Programa de Integração Social (PIS) e Programa de Formação do Patrimônio do Servidor Público (PASEP). “Estas ações irão garantir mais comodidade ao trabalhador mutuense, bem como agilidade e operacionalização do processo de confecção deste documento. Além do aumento da segurança contra fraudes já registradas”, pontua o secretário de Administração Geder Luiz Genz. 

Após a conclusão do treinamento da equipe responsável, o trabalho dever ser iniciado na semana seguinte. Segundo dados do Ministério do Trabalho e Emprego a mudança visa a modernização dos serviços prestados ao cidadão. A expectativa é que até o final do ano o documento seja gratuito, sem que o cidadão necessite mais desembolsar pela foto. Quem já tem o documento não precisa emitir uma nova carteira. A antiga permanece válida. Somente no caso de uma segunda via ou da emissão da primeira via é que ocorre a impressão e validação pelo novo sistema.

Fonte:Assessoria



Comente esta notícia