NOVA MUTUM, 23 de Julho de 2024
icon weather 18 º 37 º
DÓLAR: R$ 5,58
Logomarca

POLÍCIA Sábado, 23 de Dezembro de 2023, 17:36 - A | A

23 de Dezembro de 2023, 17h:36 - A | A

POLÍCIA / SÃO VICENTE

Quatro são presos por saquear caminhão de família morta em MT

G1/MT



Quatro pessoas foram presas, nessa sexta-feira (22), por saquear a carga de uma carreta envolvida em um acidente na Serra de São Vicente, na BR-364, em Santo Antônio de Leverger, a 35 km de Cuiabá. Uma menina, de 5 anos e os avós morreram com a batida. A mãe da criança, de 27 anos, foi socorrida e está internada no Hospital Municipal de Cuiabá (HMC). Câmeras de segurança da concessionária que administra a rodovia gravaram a ação.

As imagens mostram o local do acidente e muitas pessoas correndo em direção a carga. É possível ver os moradores carregando as caixas de frango.

De acordo com a Polícia Civil, pessoas que passavam pela rodovia foram flagradas pelas câmeras de segurança, furtando a carga de frango que era transportada pela carreta.

A polícia informou que eles estacionaram os carros e foram até o local do acidente para furtar as caixas de frango. De acordo com as equipes, as pessoas foram abordadas e dentro dos veículos foram encontrados os alimentos.

Uma criança de 5 anos, a avó e o avô morreram em um acidente na BR-364. A filha do casal que é mãe da menina também estava no veículo e ficou ferida.

De acordo com a Polícia Rodoviária Federal (PRF), o avô dirigia a carreta e foi identificado como Benedito Aparecido Vitorino, de 54 anos; a avó como Denise Luciene da Rocha Santos, de 53 anos, e a menina foi identificada como Helena Mayumi Vitorano Saikawa.

A PRF informou que a mãe da menina ficou presa às ferragens e foi socorrida pelas equipes. Ela foi encaminhada ao Hospital Municipal de Cuiabá (HMC).

A carreta teria descido a serra e o motorista não conseguiu frear na curva. Depois, o veículo capotou na pista e as vítimas morreram no local. A PRF disse que não há envolvimento de outros veículos no acidente.

Segundo a PRF, supostamente, o motorista teria dormido enquanto dirigia, pois não foram identificadas marcas de frenagem. Além disso, também foi relatado que os passageiros não utilizavam o cinto de segurança no momento do capotamento.

O Corpo de Bombeiros também esteve no local. A Polícia Civil investiga o caso.



Álbum de fotos

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

Foto: Reprodução

Comente esta notícia