NOVA MUTUM, 27 de Maio de 2024
icon weather 11 º 18 º
DÓLAR: R$ 5,16
Logomarca

GERAL Segunda-feira, 06 de Agosto de 2018, 21:46 - A | A

06 de Agosto de 2018, 21h:46 - A | A

GERAL / JUSTIÇA

Jovens são condenados a 12 anos de prisão por matar homem em bar em Nova Mutum

Só Notícias
Nova Mutum
[email protected]



Alexandre Rodrigo Romão da Silva, 24 anos, e Edmilson José da Silva, 21 anos, foram condenados a 12 anos de prisão, pelo assassinato de Jonas Almeida Cavalcante, 30 anos. O conselho de sentença entendeu que a dupla disparou tiros contra a vítima, que morreu na hora, em um estabelecimento comercial na rua dos Cedros, no bairro Lírios do Campo. O crime aconteceu em maio do ano passado.

O júri também avaliou que Alexandre e Edmilson corromperam um adolescente, que também atirou contra Jonas. Por isso, a dupla foi sentenciada a mais um ano de cadeia. Desta forma, a sentença final, para cada um, foi de 13 anos de prisão. O regime inicial de cumprimento da pena será fechado e, assim, ambos continuarão presos na Cadeia Pública de Nova Mutum. Eles ainda podem recorrer da decisão.

Segundo a denúncia do Ministério Público Estadual, o assassinato foi motivado por uma discussão entre a vítima e a companheira de Alexandre. Para defender a namorada, ele teria colocado a mão no peito de Jonas e dito “algo”. A vítima, então, teria desferido um tapa em Alexandre, que sacou o revólver e atirou. Edmilson, segundo o MPE, também “puxou” uma arma e atirou. Em seguida, o menor pegou a arma de Alexandre e disparou contra Jonas.

A defesa dos dois acusados alega que não há indícios ou provas de que Alexandre e Edmilson participaram do homicídio. O júri popular foi realizado na última sexta-feira (3), na comarca de Nova Mutum.



Comente esta notícia