NOVA MUTUM, 17 de Julho de 2024
icon weather 21 º 32 º
DÓLAR: R$ 5,48
Logomarca

SORRISO Sexta-feira, 22 de Dezembro de 2023, 17:24 - A | A

22 de Dezembro de 2023, 17h:24 - A | A

SORRISO / GUERRA URBANA

PM prende dupla suspeita por sequestro, homicídio e apreende armas em Sorriso/MT

PM/MT
Sorriso/MT



Um homem e uma mulher foram presos em flagrante, na noite desta quinta-feira (21.12), suspeitos pelo homicídio de Vitor Araújo de Souza, formação de quadrilha e porte ilegal de arma de fogo, no município de Sorriso (397 km de Cuiabá). Policiais militares do 12º Batalhão apreenderam duas pistolas, um veículo Chevrolet Cobalt e diversos aparelhos celulares. 

Conforme o boletim de ocorrência, por volta das 23 horas, Vitor estava acompanhado da suspeita, em um veículo Renault Sandero, quando foi abordado e sequestrado pelos suspeitos, que ocupavam um Chevrolet Cobalt.  Após ação, a dupla fugiu com a vítima.

Durante trabalho de rondas na região, uma equipe identificou o veículo em uma estrada de chão, próximo ao bairro Serra Dourada, em alta velocidade, dando início a uma perseguição policial. Em seguida, o condutor do veículo perdeu o controle da direção e bateu contra uma árvore. Um dos suspeitos fugiu e outro foi resgatado desacordado e encaminhado pelo Corpo de Bombeiros à Unidade de Pronto Atendimento. 

No veículo, as equipes encontraram duas pistolas, sendo uma suja de sangue. Os militares ainda registraram que, enquanto vistoriavam o carro, começou a sair fumaça do motor e o veículo pegou fogo. 

Após receber atendimento médico, o suspeito afirmou que participou do sequestro e que Vitor foi executado em uma área de mata, próxima a uma ponte, mas não informou o local exato.  

A jovem que acompanhava Vitor relatou que o crime foi encomendado e que ela ficou responsável de atrair a vítima. Segundo ela, Vitor comercializava entorpecentes na região.  

Os suspeitos e todo material apreendido foram encaminhados à delegacia para registro do boletim de ocorrência e demais providências que o caso requer.  

Disque-denúncia    

A sociedade pode contribuir com as ações da Polícia Militar de qualquer cidade do Estado, sem precisar se identificar, por meio do 190, ou disque-denúncia 0800.065.3939.



Comente esta notícia